terça-feira, 3 de junho de 2008

NA HISTÓRIA DA MODA


Yves Saint Lauren morreu domingo passado, aos 71 anos, devido à um tumor no cérebro.

Mais do que um estilista, é considerado um dos maiores artistas franceses, revolucionou a alta moda e "acompanhou o movimento de liberação das mulheres", disse Pierre Bergè, co-fundador da grife e companheiro de uma vida de Saint Lauren.

O designer da grife atualmente é Stefano Pilati, que eu tive a incrível oportunidade de assistir à sua palestra na minha uni IED, um ano atrás. Quem quiser conferir, eu fiz uma mini-matéria para Márcia Peltier e citei algo sobre Pilati, é só dá um pulo aqui: http://marciapeltier.ig.com.br/home.asp?id=1798.

E Saint Lauren entra para a história...

2 comentários:

Thais Martinez disse...

Olá, Roberta,

Como vai, sumiu da rede? Nunca mais nos falamos... Como está aí em MIlão? E o curso?

Beijos

Thais Martinez

Anônimo disse...

Roberta...seus comentários sobre o ícone Saint Laurent foram perfeitos: agora, sua última frase levantando a ponta do véu para a eternidade da história, foi lindo demais, garota...me emocionei!
bjus